Oferta!
 

O AMOR EM TEMPOS DE DESAMOR

  • Brochura R$94,90 R$75,90

R$94,90 R$75,90

Em estoque

Compartilhe:


Sinopse

Este livro publica os textos especialmente produzidos para a sessão de encerramento e dois dos seis painéis do XX Fórum Nacional (2008), evento que sinalizou os vinte anos de funcionamento ininterrupto do Fórum Nacional. Na abertura e introdução, João Paulo dos Reis Velloso, coordenador-geral do Fórum Nacional, divulga o belo texto lido na abertura do XX Fórum Nacional, onde afirma ter tido um sonho: “O sonho de que o Brasil deixaria de ser o país das oportunidades perdidas.” Sonho que se transforma em realidade, pois “o Brasil já está mudando.” A primeira parte do livro aborda o tema “O amor em tempos de desamor” (não há temas tabus para o Fórum, que pretende ser um campo amplo de discussão e propostas). Nomes como Maria Adelaide Amaral abordar o tema “Grandes amores universais”; à professora e teóloga Maria Clara Lucchetti Bingemer, “O amor em tempos de desamor: as lições da Bossa Nova”; ao filósofo e psicanalista Renato Mezan, “O amor romântico no século XXI”; ao professor e filósofo Danilo Marcondes, “Amor e amizade: eros e philia”; ao escritor e filósofo Gilberto de Mello Kujawski, “Amor à pátria em tempos de globalização?”; e à professora de Letras Myriam Brito Corrêa Nunes, “John Donne e o amor em dimensão universal”. Na segunda parte do livro, procura-se, no ano em que se comemoram os 200 anos da chegada da Corte portuguesa ao Rio de Janeiro, responder a pergunta que é para muitos enigma nacional: “O Brasil tem jeito?” É o que tratam os trabalhos do professor Arthur Ituassu e do jornalista Rodrigo Almeida, intitulado “O Brasil tem jeito?”; do brasilianista Albert Fishlow (“Brasil: a volta do crescimento sustentado?”); da historiadora Mary Del Priori (“Revisão do Paraíso: Estado e sociedade em 500 anos”); do professor Jaime Pinsky (“O Brasil no primeiro mundo?”); do vice-presidente da Fundação Getúlio Vargas Sergio F. Quintella (“Reforma política para o Brasil ter jeito”); e do historiador e membro da Academia Brasileira de Letras Alberto da Costa e Silva (“Dom João e o comércio exterior brasileiro”). A terceira parte volta-se para questão igualmente inquietadora: Para onde vão as cidades brasileiras? A resposta está a cargo do professor Luiz Cesar de Queiroz Ribeiro, que pede urgência e novos rumos para uma reforma urbana no país que aprofunde o “senso de comunidade”; do professor e ex-superintendente do Ipea Hamilton Tolosa, que examina os desafios da urbanização brasileira em abordagem microespacial; do coordenador do Projeto Megacidades José Luiz Alquéres, que propõe novas institucionalidades para a megalópole brasileira formada por Rio-São Paulo; do coronel José Vicente da Silva Filho e do sociólogo Luiz Eduardo Soares, ambos ex-secretários nacionais de Segurança Pública, que formulam estratégias para a Segurança Pública nas grandes cidades do país; e do presidente da Federação das Associações de Favelas (Rio de Janeiro), Rossino de Castro, que aborda o tema “Favelas: cidadãos sem Estado”. Na última parte do livro, o diretor técnico do Instituto Nacional de Altos Estudos, Roberto Cavalcanti de Albuquerque, apresenta o índice de Desenvolvimento Social, IDS, ferramenta de análise da evolução social do Brasil, suas regiões e estados que cobre o período 1970-2007.

Sobre o autor

João Paulo dos Reis Velloso
João Paulo dos Reis Velloso

Características

  • ISBN: 978-85-03-01004-7
  • Formato: Brochura
  • Suporte: Texto
  • Altura: 23cm
  • Largura: 16cm
  • Profundidade: 2cm
  • Lançamento: 22-09-2008
  • Páginas: 392